Passeios em Muscat, Omã

Olá pessoas! Vamos voltar a falar de viagem? 🙂 Continuando com os posts sobre o Oman, lugar liindo que conheci em Novembro 2016. Já falei aqui sobre imigraçao, clima e o que vestir, e agora vamos aos passeios, o que fazer em Muscat e arredores?

Antes de ir, pesquisei em vários blogs os lugares que eu poderia visitar. E tinha cada coisa linda! Uma pena que a gente nao tinha mais dinheiro, se nao teríamos ido em todos os pontos turísticos! Porque os tours privados lá nao sao muito baratos, o James esqueceu a carteira de motorista dele entao nao podíamos alugar um carro, e o casal que nos hospedou tem um bebe entao tambem nao podiam fazer passeios longos com a gente. Mas fomos nos principais pontos, relaxamos nas praias, aproveitamos o Sol e me encantei com tudo.

Em Muscat (capital):

City tour: Palacio do Sultao, Grand Mosque, Mutrak Souk, Qrum Beach

Como a casa onde ficamos era um pouco longe do centro (porém perto do aeroporto), combinamos de passar apenas um dia no centro conhecendo a cidade. Pegamos uma carona ate a Sultan Qaboos Grand Mosque. Foi interessante visitar e conhecer um pouco da religiao mulçumana, porque o que eu sabia basicamente era o que vemos na TV (ou seja, nada muito bom). O tourist office da Mesquita é uma salinha pequena com sofás, e varios homens ficam lá conversando com os turistas e explicando o que voce quiser saber, entao aproveite! Nao pule essa parte porque é uma oportunidade de perguntar o que quiser, sobre a mesquita, a cultura ou a religiao deles. Eles oferecem café, água e tamaras, além de copias do Alcorao e outros livros.

Saindo da mesquita encontramos uns taxistas e perguntamos quanto ficava pra ir ate o mercado, o Mutrah Souk. Falaram 10 OR se nao me engano, e eu sabia que isso era muito caro! Negociamos e fechamos um ”city tour” com um dos taxistas por 20 OR e ele nos levaria para alguns pontos na cidade e de volta pra casa. Eles sao no geral bem amigáveis e falantes, entao foi legal conversar com o taxista durante o tour!

IMG_20161122_115707943_HDRIMG_20161122_115743388_HDRIMG_20161122_120915363_HDRIMG_20161122_122630978_HDR

Primeiro ele nos deixou no mercado, paramos para comer um sanduíche com suco de melancia fora do mercado e depois entramos e fomos olhar as coisas, mas como dizem esse mercado é mais pra turista, tem várias coisas legais mais alguns produtos ali vem da China entao nao é original do Omã! E também muitas coisas nao tem preço, eles dao o preço conforme a sua cara, voce pode barganhar mas nao tivemos muito sucesso nisso! Comprei apenas 3 echarpes.

Mas logo atrás desse mercado tem um muito mais simples e que o taxista falou ser ”original”, com apenas vendedores omanis.

IMG_20161122_123257570

Depois do mercado paramos na Qurum Beach, era tipo meio-dia e nao vi ninguém na água, mas pelo que pesquisei as pessoas nao usam biquíni ali entao fique atento caso voce queira dar um mergulho por lá.

IMG_20161122_134532010IMG_20161122_134253855_HDR

A próxima parada foi Al Alam Palace, ou Palácio do Sultao. Nao é permitido visitar o interior, mas a vista por fora já é bem legal, tem outros prédios do governo também e voce pode ver uns fortes antigos nas montanhas em volta!

DSC04597DSC04603DSC04610

The Wave Beach

The Wave (Al Moouj) é um bairro com shoppings e apartamentos, onde moram mais estrangeiros que trabalham lá, e eles tem uma praia ”particular”. Digo particular porque para chegar perto dessa praia de carro, voce precisa ter um cartao de acesso que só os moradores tem. Mas se voce for a pé, nao tem problema :p Como ficava perto da casa onde ficamos, e lá a gente pode usar biquíni, fui pra essa praia algumas vezes! Agua tranquila, sem ondas grandes. Só por favor nao encoste nas pedras, elas sao cheias de sea urchin. Em 5 minutos que estávamos lá, o James encostou numa rocha e uns 8 espinhos entraram no pé dele, fomos pro hospital e demorou semanas para se recuperar!

the wave beach oman

img_20161126_145007154_burst000_cover_top

IMG_20161126_164341554

Brunch no The Chedi

Vamos brincar de ser chique? Brunch com comida e bebida a vontade de 1 as 4:30 nas sextas-feiras. O hotel é lindo, com piscinas, uma praia particular e o buffet enorme! Tem mil tipos de entradas, pratos principais, carne, sushi, e as sobremesas… engordei uns 5 kg só ali! Apesar de ser 5 estrelas, nao precisa se vestir chique. Fui com um vestido e um sapato de salto nao muito alto, e levei uma rasteirinha na bolsa, chegando lá vi que o pessoal estava mais relax e troquei o sapato.

the-chedi

the-chedi-oman

img_20161125_164933913

img_20161125_141903747

img_20161125_141914010

img_20161125_141938139

img_20161125_141959478

img_20161125_142450623

img_20161125_151316486_burst000_cover_top

Em restaurantes para jantar fomos apenas em dois:

Kargeen Caffe (comida omani e iemenita). Nao era caro, mas também nao é barato.

img_20161123_175243244

img_20161123_181810503

E no Turkish House. Esse eu amei porque a comida era boa e barata!

img_20161119_142537711_hdr

O que eu mais gostei da comida no Oma foram os paes e muito suco de melancia (e outras frutas) baratinho!

Anúncios

Um comentário sobre “Passeios em Muscat, Omã

  1. Pingback: Passeios ao redor de Muscat, Oma | Um Tempo Fora

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s