E a dieta no Intercâmbio…

Acho engraçado que o fato de sair do seu país e ir morar em um lugar diferente, com comida e cultura diferente, pode ter um impacto totalmente diferente em cada pessoa! Muita gente diz ”intercambio engorda” (eu sou desse time), já outras emagreceram ao chegar aqui. Só sei que é muito difícil tentar manter uma boa alimentaçao quando a sua rotina muda tanto.

Pra começar, voce acabou de chegar e passa os primeiros dias passeando pela cidade (anda muito), procurando casa pra dividir (anda mais ainda), primeiros dias na escola, abrindo conta no banco, acertando toda a documentaçao do visto. Nesse primeiro momento a tendencia é emagrecer, porem nos alimentamos mal, ja que nao temos uma casa fixa ainda e um cantinho pra cozinhar. E como a maioria precisa economizar, acabamos comprando lanches baratos e nada saudáveis.

chicken roll

E aí nos deparamos com os supermercados (Tesco, Lidl, Aldi) e suas comidas super baratas: pizza congelada, batata, donuts, enlatados, chocolates, os Spar, Centra e Londis da vida com seus chicken fillet rolls, o Star Pizza com sua pizza+coca+batata por €5. Depois de algumas semanas, embora estejamos mais tranquilos com relacao a moradia e visto, ainda tem a busca de um emprego. Preocupacao, estresse, tudo isso afeta a nossa dieta.

STAR PIZZA 2

Pra quem esta morando sozinha/dividindo casa com estranhos pela primeira vez, demora um tempo pra se acostumar! Voce nao tem mae, vó, tia, empregada… ninguém aqui pra fazer as coisas por voce. Limpar casa, fazer comida, pagar contas, resolver problemas, tudo isso é por sua conta.

Quando achamos um emprego, passamos a estabelecer uma rotina, e aí é que poderíamos controlar a alimentacao e optar por coisas mais saudáveis, e isso depende muito da força de vontade da pessoa.

Sofremos também a falta de Sol (vitamina D!), a pele, unhas e cabelo sofrem um pouco com isso. Suplementos vitamínicos sao baratos mas nao podemos sair tomando tudo sem indicacao médica. Mas um lado bom de Dublin é que, nao importa onde voce more, sempre vai ter um parque por perto, onde voce pode caminhar. Aliás, academia aqui tem de todos os preços, tipo €25 por mes, ou a Ben Dunne, que voce paga cento e pouco pra frequentar um ano.

Eu emagreci nas primeiras semanas, mas logo me acomodei com as pizzas e os congelados, parei de andar tanto (ia de onibus pro trabalho) e engordei bem uns 5 kg aqui. No segundo ano emagreci um pouco, engordei de novo, e agora estou levando mais a sério (controlando as calorias, fazendo caminhada). Preciso de algo pra me ajudar entao estou usando o app My Fitness Pal, pra contar as calorias com comida e exercícios, e está sendo bem melhor! Há duas semanas, entrei na academia (de novo), a Fit4Less em Tallaght, e dessa vez estou indo! (haha) Porque tem uma amiga que mora perto e vamos juntas, só assim mesmo pra ter animo.

Enfim, é muito difícil se alimentar direito quando as comidas congeladas e fast-food sao baratos, tem que ter muita força de vontade! (que eu nao tenho muita mas to tentando melhorar!)

Anúncios

2 comentários sobre “E a dieta no Intercâmbio…

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s