Passeando na Irlanda: Tour Glendalough e Wicklow

A Irlanda é linda, não me canso de falar! E o melhor é que não precisamos ir longe pra conhecer lugares com paisagens incríveis e cenários de filmes.

Esse tour é feito por várias empresas de turismo saindo daqui de Dublin. Basta digitar no google ou passar por qualquer tourist office no centro da cidade e reservar seu tour. Mas recomendo demais o que eu fiz, porque foi com um transfer, não com ônibus tipo excursão (esses eu sempre evito, porque é muita gente e geralmente é super corrido), então fomos só em 3 pessoas + o motorista.

Wicklow Mountains National Park

Saímos de Dublin umas 9 horas da manhã e demora quase uma hora até Glendalough. A entrada é gratuita e o estacionamento também. Glendalough é um vale que fica dentro do Wicklow Mountains National Park.

Glendalough - upper lake

Em Glendalough você pode escolher uma entre 9 trilhas, veja todas aqui. Pegamos uma trilha e o caminho é super tranquilo, nada de subidas, e já com a paisagem linda pra todo lado! O parque tem 2 lagos, o lower lake e o upper lake, o upper é maior e mais bonito, rende muitas fotos! Depois seguimos a trilha e voltamos pelo outro lado, passamos pela cidade monástica. O monastério foi fundado por St. Kevin no séc. XI. Você pode passear por entre as ruínas de um cemitério, uma igreja e alguns outros locais históricos.

monastic city ireland

E no Wicklow Park também tem algumas outras trilhas, a mais famosa é a Wicklow Way, que tem 127 km, mas você pode fazer apenas uma parte. Veja os detalhes aqui.

guinness lake

Voltamos pro carro e fomos para o Guinness Lake – cujo nome é Lough Tay, mas é chamado de Guinness por ser bem escuro com as bordas claras, parecendo a cerveja! Fizemos duas paradas nesse lago (não dá pra descer láá embaixo) então pudemos vê-lo de dois ângulos diferentes.

ps eu te amo

A próxima parada é uma pequena ponte de pedra no meio do caminho, que seria só mais um lugar bonitinho, se você não soubesse que essa ponte apareceu no filme PS Eu Te Amo! Wicklow também foi cenário para outros filmes: Leap Year (Casa Comigo), Rei Arthur, O Conde de Monte Cristo, entre outros.

powerscourt gardens

Depois da ponte, fomos para o Powerscourt Gardens, que fica em Enniskerry, mas ainda no condado de Wicklow. Pagamos 8.50 (7.50 estudante) para entrar e apesar de ser bem bonito, achei o lugar bem pequeno, esperava mais de lá. Devia ser mais barato! haha As principais atrações são o lago, um jardim japonês, uma torre, um cemitério de pets. Quando passamos pelo jardim japonês, que é bem pequeno, vimos um grupo de dezenas de japoneses tirando muitas fotos, e eu pensando “porque esse povo tá tirando foto desse jardim minúsculo sendo que eles tem os originais no Japão?” e o meu amigo responde “talvez eles sejam chineses, ou coreanos…” bom, nunca vou saber diferenciar!

Saindo do jardim, passamos numa loja que tem ao lado dele, com vários doces, coisas de decoração e muitas plantas e flores, fiquei com vontade de comprar várias mas me controlei.

johnnie fox pub

E a última parada do tour foi o Johnnie Fox’s Pub, que é o mais alto da Irlanda. Música irlandesa ao vivo e muita gente, mas conseguimos uma mesa em 5 min e pedimos uma pint e um prato cada um. O preço é bem normal, achei que seria caro por ser um lugar muito turístico. Pedi uma seafood pie, que tem uma massa folhada por cima e por dentro um creme de frutos do mar, muito bom! Vem com purê de batatas e cenoura (11 euros). A pint custa o mesmo que em Dublin – 5 e pouco.

Terminamos o passeio umas 7 ou 8 horas (não lembro direito) – o horário é bem flexível, o motorista fica com a gente o tempo que quisermos em cada lugar. Quem quiser reservar (precisa de no mínimo 3 pessoas, e máximo 4) fale com o Carlos Silva no face ou ligue 0873938289. Custa 25 euros por pessoa e vale muito a pena, é mais barato que os outros tours que são mais corridos e com muita gente.

Eu gosto de fazer as coisas de um jeito mais independente – pegando um bus comum até o local, por exemplo, mas pra esse passeio é mais complicado porque você não conseguiria visitar todos esses lugares em um dia só, indo à pé. Então ter um carro é o ideal!

A melhor época pra ir é na primavera/verão. No outono também deve ser bonito! Não iria no inverno porque além de ser muito frio, chove e venta muito então atrapalha um pouco o passeio.

Anúncios

11 comentários sobre “Passeando na Irlanda: Tour Glendalough e Wicklow

  1. Ahhhhhhhhhh, legal que você fez o tour com o Carlos! Quando cheguei na Irlanda morei com ele e sua (hoje) esposa e somos amigos até hoje! Que coincidência!

    ps.: Powerscourt é muito caro mesmo, mas ainda quero voltar pra fazer a trilha da cachoeira.

    Curtir

  2. Oi! li seu post e adorei.Vou pra Dublin daqui 15 dias. Gostaria de indicação para esse tour. parece ser mais legal e mais intimista.
    =)

    Curtir

  3. Pingback: Passeando pela Irlanda: Boyne Valley tour | Um Tempo Fora

  4. Estive no passado domingo em Glendalough e fiz a caminhada de sensivelmente 9 a 10kms que circunda os lagos. Todo o esforço é recompensado quando no topo, após ter-se subido uns 500 a 600 metros, olhamos boquiabertos para toda a deslumbrante paisagem no nosso horizonte. Recomendo vivamente esta caminhada a todos os amantes da natureza.

    Parabéns pelo blog.

    Curtir

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s