Peru – roteiro antes e depois

Antes de postar o Diário de Viagem, vou falar sobre o roteiro que fiz para o Peru, que na verdade foram 2: o planejado e o executado! Sim, porque algumas coisas sempre mudam em cima da hora.

Eu adoro fazer roteiros antes de uma viagem e deixar tudo organizadinho, com datas, endereços, telefones, hotéis reservados.  Mas sei que nem sempre os planos se concretizam conforme a gente tinha pensado, às vezes é preciso mudar/adaptar o roteiro, por causa de um imprevisto ou só por vontade mesmo.

Nessa viagem ao Peru eu tinha 13 dias entre ida e volta. Organizei os dias conforme eu achei que seria melhor, mas chegando lá, algumas coisas mudaram.

Era assim…

Dia 0 – Porto Velho / Rio Branco
Dia 1 – Rio Branco / Puerto Maldonado
Dia 2 – Cusco
Dia 3 – Cusco
Dia 4 – Cusco (Vale Sagrado)
Dia 5 – Machu Picchu
Dia 6 – Cusco
Dia 7 – Arequipa
Dia 8 – Arequipa (passeio do Colca)
Dia 9 – Arequipa (passeio do Colca)
Dia 10 – Puno (saída p/ Cusco noite)
Dia 11 – Cusco (saída p/ Puerto Maldonado noite)
Dia 12 – Puerto Maldonado / Rio Branco
Dia 13 – Porto Velho

E ficou assim:

Dia 0 – Porto Velho / Rio Branco
Dia 1 – Rio Branco / Puerto Maldonado
Dia 2 – Cusco
Dia 3 – Cusco
Dia 4 – Cusco (Vale Sagrado)
Dia 5 – Machu Picchu
Dia 6 – Ollantaytambo
Dia 7 – Arequipa
Dia 8 – Arequipa (passeio do Colca)
Dia 9 – Arequipa (passeio do Colca)
Dia 10 – Puno
Dia 11 – Puno – Cusco
Dia 12 – Puerto Maldonado / Rio Branco
Dia 13 – Porto Velho

No final a quantidade de dias ficou a mesma. As mudanças foram: No dia 5 voltamos de Machu Picchu e gostamos tanto de Ollantaytambo, que resolvemos dormir lá, em vez de seguir direto para Cusco na mesma noite. Aí na manhã seguinte, tomamos café e às 10h saímos para visitar Maras e Moray, chegando de tarde em Cusco. Ollanta é tão fofa que eu queria ter ficado mais!

E em Puno, chegamos bem cedo e fomos para os passeios Uros e Taquille, no fim da noite era pra voltar a Cusco, mas resolvemos dormir lá, e fomos só na manhã seguinte. Estava um friiiio e a gente achou que merecia um banho quente e uma noite de sono numa cama quentinha.

Achei que essas adaptações foram ótimas, pra descansar e conhecer melhor os lugares. Da próxima vez não vou fazer um roteiro tão corrido. Vou optar por ficar mais dias em menos cidades. Ah, e reservar quartos com menos camas e mais privacidade nos hostels!

Falando em hostel, eu fiquei no Pariwana em Cusco, no Casa del Abuelo em Ollantaytambo, no Supertramp em Aguas Calientes, no Sumac Wasi em Chivay, no Arequipay em Arequipa e no Qorikancha em Puno, e logo vou comentar sobre eles. Os próximos posts serão sobre o Peru – cidades, passeios, preços, dicas etc!

Rumo ao Peru!

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s